Confira aqui oque disseram jornalistas e Dirigentes sobre os campeonatos do Mundo

Vivemos uma das maiores Pandemias do Mundo, os dias estão mais tristes para todos.

O corona Vírus veio mostrar que somos insignificantes perante a lei da Vida, Vários campeonatos esportivos foram suspensos no América do Sul e no Mundo.

No Uruguai o Campeonato foi suspenso há alguns dias , como no Brasil, O jornalista Rodri Vasquez  falou sobre tudo que envolve essa situação:sobre a paralisação do futebol do país: “Não demorou. Depois dos primeiros casos, levou 24 horas para suspenderem os campeonatos. Temos 94 casos já.

O jornalista falou sobre o comportamento da População Uruguaia:”Há gente que leva a sério, obedecem as recomendações do governo. Mas outros não. Se vê gente nas ruas, mas menos que o normal.”

Ele falou sobre a expectativa de voltar as competições naquela Nação: “Não há uma previsão de retorno das competições. Está se vendo dia a dia, tanto no governo quanto no futebol. Se cancelaram todos treinamentos, não há equipes treinando.”

Já o Jornalista Nuno Raposo do jornal A Bola falou sobre a situação em Portugal devido ao novo Corona Vírus:”Só percebemos da gravidade da situação quando chegou na Itália. Parecia que China era muito longe, que aqui não seria igual.”

O jornalista de Portugal falou Isso:”O inverno aqui em Portugal não é tão frio. No dia que as escolas fecharam fazia 26° C. As pessoas foram para a praia. Somente depois houve uma tomada de consciência.”

“O Campeonato Português foi um dos primeiros a decidir parar, antes até da UEFA. E quem teve muita influência nisso foram os jogadores.”

Já no Brasil o Secretário Geral da CBF Walter Feldman falou sobre a situação por aqui:”Nós estamos trabalhando desde o dia que decidimos paralisar. Pensando alternativas, trazendo os dados estatísticos, epidemiológicos, em sintonia com o Ministério da Saúde.”

Ele falou isso sobre o Futebol Brasileiro:Concluímos agora há pouco uma conferência com quase todos clubes das Séries A, B e C. Já estamos formulando a suspensão do pagamento do Profut nesse período. Mas falar em previsão de volta é meio cedo.”

O Dirigente Continuou com essas palavras:”A paralisação nossa tem uma consonância com a paralisação mundial. Há um caldo um de possibilidades que terão que ser analisadas em conjunto.”

E falou sobre a situação dos Campeonatos Estaduais: “O ideal, se for possível, é concluir os estaduais a partir de onde pararam.”

E falou oque seria o Ideal:”A CBF terá que apresentar às federações as datas possíveis. Os campeonatos estaduais são diferentes nas suas dimensões. A lógica seria darmos condição ao final do estaduais, início do Brasileirão, mas sempre com participação dos clubes.”

Este site usa cookies para guardar sua experiência e abrir mais rápido na próxima vez que visitá-lo. Deseja continuar navegando neste site? Aceito Ler mais

Políticas de Privacidade & Cookies